Domingo, 20 de Março de 2011

Solidão

 Eu sei que o nome do post sugere um texto com uma carga psicológica perigosamente elevada, mas felizmente não é o caso. Se quiserem ver coisas deprimentes, este blog não é o local. Tentem o telejornal por exemplo. Mas ignorando este comentário à Zéca Afonso, gostava de esclarecer uma coisa. 

 Sabem, eu estou a ser educado com base numa variação de um ditado popular. " Mais vale mal acompanhado do que sozinho". E, tento sempre fazer os possíveis para seguir essa forma de encarar a vida. Mas, admito que de vez em quando existe alturas em que eu não aguento as típicas conversas da treta e arrisco-me a lanchar sozinho, por exemplo. E eu pergunto: qual é o problema? A maioria das pessoas pensa " Oh, coitadinho a comer sozinho. E se fôssemos lá fazer companhia?". Porquê? Eu digo sempre " Meninas, meninas (sim, porque costumam ser mulheres). Agora não. " Porque eu penso que a solidão deve ser uma escolha, tal como o casamento. Uns preferem apreciar um jornal sozinhos a ouvir cuidadosamente o silêncio, enquanto outros preferem comer massa à bolonhesa do mesmo prato num cenário romântico de javardice ( desculpem a terminologia). E mais, agora mudando um pouco de assunto. Regras de etiqueta à mesa. Experimentem googlar isto. Antes de mais observem esta regra "Não deve emitir opiniões sobre o que está a comer, especialmente pela negativa; se não gosta pode sempre deixar no prato.". Mas o que é isto? Sempre que eu almoço com alguém, é imperativo falar da comida. Isto é o básico da conversa da treta. Falar da comida, do tempo, do trânsito. Tudo isto é necessário para uma conversa perfeitamente desnecessária e natural. Observem outra regra. Esta para mim, é a mais ridícula de todas. "Não molhe o pão em café, molho ou qualquer outro líquido.". Mas isto é algum tipo de brincadeira? Como é que eu hei de provar o molho das amêijoas? Com a colher? Com maneiras? Era o que mais faltava. Ainda bem que como sozinho. Assim não tenho ninguém para me pregar sobre estas regras. Muito menos na tasca do Zé. 

publicado por Sebastião Marques Lopes às 17:00
link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De Sara a 22 de Março de 2011 às 22:30
Parabéns pelo destaque :)
De fotografiaspoeticas a 22 de Março de 2011 às 23:58
...podia não achar piada...
Mas sabe que até sorri?
Pensei: às urtigas a tristeza...
Sim...porque às vezes sabe tão bem estarmos sós!
É bom...saborear a nossa companhia!
Boa semana!
De Anónimo a 23 de Março de 2011 às 01:20
Como é bom comer sozinho, sem tagarelices de vez em quando!
De PaperLife a 23 de Março de 2011 às 10:00
Ahah, adorei ;)
Parabéns pelo destaque nos blogs da Sapo :)
De Paula a 24 de Março de 2011 às 02:33
Seu comentàrio realmento foi òtimo mas a solidao é tao triste. A noite chega vc olha ao retor e nao ve ninguém,falo isso por experiencia pròpria. Boa noite a todos.
De joaninha a 24 de Março de 2011 às 20:01
Magnífico... adorei tudinho :)
De 8ou8tenta a 26 de Março de 2011 às 21:26
Ora aí está uma óptima visão das coisas!
Porquê seguir um protocolo (à mesa, por exemplo), quando os protocolos são aborrecidos e não nos fazem aproveitar as coisas como elas devem ser aproveitadas?
Agora... sempre podia encontrar alguém que tivesse a mesma opinião. Assim já não tinha de almoçar sozinho. Quebrar regras é sempre mais engraçado quando o fazemos acompanhados ;)
De hellcat a 28 de Março de 2011 às 17:46
Ora muito boas palavras, sim sim! Ainda sorriu disfarçadamente para não passar por tolinha ...

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 18 seguidores

.pesquisar

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Pequenos lapsos, grande h...

. Os anûs de Zuckerberg

. Tormentos de 10 linhas

. Menino da mãmã

. Viva a Preguiça?

. Irmãs do planuta

. Aí que cheirinho

. Passou bem?

. Raios part'ó cão

. Coca-cola, alguém?

.arquivos

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

blogs SAPO

.subscrever feeds